Yoga Inbound

quarta-feira, 30 de julho de 2014





Yoga Inbound

Por Swami B. A. Paramadvaiti



O SISTEMA DE YOGA INBOUND é a forma perfeita de vida que nos ensina a perceber e compreender toda a beleza que há dentro e fora de nós. INBOUND significa “ir adentro ou viajar para nosso interior para conhecer a nós mesmos, saber quem somos em essência e compreender nosso estar neste mundo.”

O Yoga é um sistema milenário que nos ensina a tomar consciência da nossa verdadeira realidade para viver em perfeita harmonia nos diferentes planos de existência e com as diferentes leis da natureza, tanto físicas como sutis. Tais como a lei de ação e reação, a lei da interdependência mútua, etc.

Pois o curioso é que sempre, antes de nos perguntarmos sobre o bem e o mal, sobre nossa alma e nossa morte ou sobre nossa angústia e nosso pecado, nos lançamos primeiro à conquista do mundo, objetivo aspirando revelar as leis que regem o funcionamento do Universo para pô-las ao serviço do homem, sem levar em conta a presença destes outros planos de existência que são cada vez mais sutis respectivamente e regidos por essas leis sutis que o homem moderno não consegue compreender por sua limitada visão externa ou física do mundo. Esses outros planos ou níveis de consciência são: os planos mental, intelectual e espiritual, ou subjetivo, que é o plano mais elevado de Consciência.


O SISTEMA DE YOGA INBOUND

O Yoga é um Conhecimento Divino que pertence à antiga Cultura Védica cuja prática se concentrou no território que hoje conhecemos como Índia, pois de acordo aos textos Védicos, essa cultura envolvia todo o planeta assim como demonstram recentes descobrimentos científicos. E graças ao Bhagavad Gita, o livro sagrado que resume toda a sabedoria desta grande cultura, podemos compreender que há quatro processos fundamentais de Yoga onde se desprendem as variações que existe hoje em dia.

O SISTEMA DE YOGA INBOUND, concebida por Srila Bhakti Aloka Paramadvaiti Swami no começo do novo milênio, integra esses quatro processos de Yoga como quatro fases que nos ajudam a aprofundar nossa viagem mística interior para a compreensão do nosso verdadeiro SER para viver harmoniosamente com nós mesmos, com nossos semelhantes, com a natureza, o universo e Deus, nosso Criador Supremo.


OS QUATRO PROCESSOS DO SISTEMA DE YOGA INBOUND

Qualquer pessoa pode praticar estes quatro processos de Yoga alcançando os diferentes níveis de evolução da sua consciência até alcançar o benefício mais alto desta forma humana de vida que é a compreensão de sua relação amorosa com Deus, o Senhor Supremo. Estes quatro processos que são parte integral do Sistema de Yoga Inbound são:

a)    Hatha Yoga: É o Yoga pelo qual o praticante, por meio do controle do seu corpo físico e sua mente (graças às práticas de uma vida natural e sã, de exercícios respiratórios e determinadas posturas ou asanas) alcança a compreensão de que é uma ALMA ESPIRITUAL e NÃO ESTE CORPO MATERIAL.

b)    Karma Yoga: Karma Yoga é a purificação das nossas atividades por meio da caridade e da generosidade para não sermos egoístas. Em outras palavras, o Karma Yoga nos ensina a executar as ações corretas que nos conduzem ao desapego e renúncia ao fruto do nosso esforço, oferecendo-o como um sacrifício para o bem do Senhor Supremo, em consequência para o bem de todos e estabelecer assim nossa relação amorosa com Ele.

c)    Jñana Yoga: É o Yoga que satisfaz nosso intelecto, por meio do qual o praticante dedica todo seu tempo ao estudo do Universo e suas leis, das entidades vivas e suas relações com o Senhor Supremo ingressando ao campo de Sua compreensão espiritual.

d) Bhakti Yoga: Bhakti significa amor e devoção, por tanto, o Bhakti Yoga nos ensina a estabelecer uma relação de amor e devoção com a Suprema Personalidade de Deus através de mantras ou o canto dos Seus Santos Nomes e o serviço amoroso e desinteressado a Ele. Entre os mantras mais recomendados, temos:

Om namo bhagavate vasudevaya
(com o qual iniciamos a meditação)

O maha mantra:

hare krishna hare krishna krishna krishna hare hare
hare rama hare rama rama rama hare hare
(com o qual pedimos serviço amoroso aos pés de lótus do Senhor Supremo)


Desta maneira, O SISTEMA DE YOGA INBOUND não só nos dá benefícios físicos como uma excelente saúde ou cura e prevenção de doenças, senão também mentalmente, nos outorgando o controle da mente e os sentidos para não sermos escravos deles e pelo contrário, ter força e energia para enfrentar os problemas e as responsabilidades da vida. Intelectualmente nos outorga uma excelente memória, concentração, criatividade, bom discernimento, determinação, força de vontade, etc. Espiritualmente nos dá a compreensão espiritual para nos aproximarmos de Deus através do serviço amoroso, livre e ininterrupto. E assim, nossas relações familiares e sociais vão se tornando cada vez mais harmoniosas, pois começamos a sentir a irmandade ou o AMOR UNIVERSAL com todos os seres e nossa eterna relação amorosa com Deus.


ALGUMAS RECOMENDAÇÕES MUITO IMPORTANTES

a)   O lugar deve ser muito bem iluminado, ventilado e cheio de muita paz para realizar seus exercícios sem perturbações.

b)    A roupa a usar durante os exercícios deve ser solta e preferencialmente de algodão.

c)   A comida de um praticante de Yoga deve ser vegetariana assim como é tradicionalmente.


O PROCESSO FÍSICO DO YOGA

1.     Yama: Abstinências: Não à carne, à droga, ao sexo ilícito nem aos jogos de azar.

2.    Niyama: Normas de conduta.

3.   Asana: Posturas do corpo: São técnicas para equilibrar o corpo e a mente fortalecendo e estimulando a boa saúde e aumentando a vitalidade das pessoas.

4.   Pranayama: São técnicas para equilibrar e distribuir adequadamente a energia vital do organismo através de boas inalações, exalações e retenções da respiração.

5.   Pratyahara: Controle das percepções sensoriais.

6.   Dharana: Concentração da mente.

7.   Dhyana: Meditação: Exercícios para desenvolver a paz interna e a serenidade da mente, conquistando a paz e a felicidade.

8.  Samadhi: Consiste na desaparição dos nossos desejos egoístas e o nascimento do único desejo de seguir a Vontade Suprema de todo coração.


Fonte: Coleção Sabedoria Védica

Satisfação ≠ Indigestão

segunda-feira, 7 de julho de 2014




Satisfação  Indigestão

Sua satisfação alimentar a base de carne nada mais é que uma grande indigestão.

Segundo Lazaeta Acharán, importante estudioso da medicina natural, há dois tipos de alimentos: alimentos que refrescam e alimentos que enfebram o estômago e o intestino. Os alimentos que refrescam são os que se comem crus, em seu estado natural, como frutas, sementes, talos, folhas verdes e algumas raízes.
Todo alimento cozido, exigindo esforço digestivo, congestiona as mucosas do estômago, elevando sua temperatura. Esta febre interna é mais intensa com a alimentação cadavérica (à base de carnes), com produtos industrializados e bebidas alcoólicas.

Muitas pessoas dizem que não conseguem satisfazer-se com frutas e vegetais, mas se sentem satisfeitos quando comem carne. Isso, na verdade, se deve ao fato de que as frutas são digeridas e assimiladas sem esforço por nosso corpo. Já um pedaço de carne obriga o estômago e o intestino a um esforço anormal, congestionando as paredes do tubo digestivo, produzindo gases tóxicos e gerando indigestão. É essa indigestão que, infelizmente, muitas pessoas confundem com uma alimentação suficiente, uma ideia totalmente errada e maléfica para a saúde.